Os cuidados no pré e pós-operatório da abdominoplastia são muito importantes para o resultado no procedimento. A cirurgia de abdominoplastia, também conhecida como dermolipectomia de abdômen é certamente uma das cirurgias mais requisitadas por mulheres com acúmulo de pele na região abdominal, após uma ou mais gestações, ou homens e mulheres depois de perda substancial de peso, decorrente de regimes ou cirurgias bariátricas.

Na busca por um contorno corporal mais adequado e proporcional ao seu corpo, esse procedimento cirúrgico, como qualquer cirurgia, requer importantes ações e cuidados antes e depois da cirurgia, visando mais segurança, boa recuperação e melhores resultados.

Por isso, destaco abaixo, algumas dicas e cuidados que devem ser observados nas fases pré e pós-operatória da cirurgia do abdome.

Alimentação adequada antes e depois da cirurgia

É importante observar o que será consumido antes e depois do procedimento. Como regra, recomenda-se uma dieta normal. Nos dias próximos ao procedimento, deve-se dar preferência para alimentos pastosos. Nas oito horas que antecedem o procedimento, deve ser realizado jejum absoluto de sólidos e líquidos.

Ressalta-se que não deve existir tentativas exageradas de perda de peso imediatamente antes da cirurgia. Isso porque, a abdominoplastia deve ser realizada quando o peso da paciente já está estável, sob pena de prejuízos no resultado da cirurgia. Há que se ressaltar que esse procedimento não tem a finalidade de emagrecimento.

Outra questão importante diz respeito a não ingestão de bebidas alcóolicas, bem como a utilização de medicamentos e suplementos sem acompanhamento médico. Seu cirurgião plástico deverá sempre ser informado sobre tais questões, para  repassar todas as orientações adequadas a essas situações.

Usar sabonete antibacteriano

Como qualquer procedimento cirúrgico, riscos relacionados a infecções existem, mas com cuidados antecipados podem ser minimizados. Um desses cuidados, antes da cirurgia, é de responsabilidade do paciente. Tomar um banho ou lavar a área a ser operada com um sabonete antibacteriano, o que contribui para diminuir os riscos de infecção.

Evitar a constipação intestinal

É fundamental beber muita água e chá, comer frutas e legumes para evitar alterações intestinais que causem constipação intestinal, resultando em aumento da dor no abdômen.

Uso de Malha Modeladora

A utilização de malha modeladora é indicada desde o momento em que termina a cirurgia, devendo ser utilizada por aproximadamente 30 a 60 dias, conforme cada caso.

Mobilidade

Logo após cirurgia, solicite auxílio para levantar-se de uma posição reclinada ou deitada. Ao sentar-se, opte por cadeiras, apoiando os pés no chão e encostando-se totalmente. Para andar, dobrar o tronco, curvando as costas e apoiando as mãos na barriga, pois essa posição oferece mais conforto e ameniza a dor. Conforme a paciente vai se sentido confortável e sem dor, sua postura ao movimentar, vai normalizando. Apesar da dificuldade inicial, recomenda-se após o procedimento, que a paciente efetue caminhadas, mesmo que de curta distância, evitando formação de coágulos sanguíneos.

Controle da Dor

Após a plástica de abdômen, é comum o paciente sentir dores ou incômodos nos primeiros dias. Em algumas situações, esse procedimento é acompanhado por lipoaspiração da cintura e nas costas, o que aumenta essa sensação. Entretanto, com o passar do tempo, esses sintomas vão desaparecendo gradativamente.
Normalmente, para diminuir e controlar a dor, caso existente, o cirurgião plástico já prescreve analgésicos, que deverão ser ingeridos observando a prescrição médica.

Retorno ao trabalho

O retorno ao trabalho, pode ocorrer entre 10 dias a 15 dias depois da cirurgia, o que pode variar dependendo do tipo de atividade que desenvolve e do tipo de transporte que será utilizado para chegar ao trabalho.

Retorno à prática de exercícios

O retorno, em regra, deverá ocorrer cerca de 2 meses depois da cirurgia, com exercícios leves e sempre acompanhados por educador físico. Nessa etapa, é recomendado que se realizem exercícios como caminhadas ou natação em ritmo lento, por exemplo.

A prática de exercícios ou atividades que exigem esforço exagerado da região abdominal, devem ser evitados nessa fase da recuperação.

Drenagem linfática

De acordo com a orientação médica, após a cirurgia de abdômen podem ser indicadas algumas sessões de drenagem linfática, observando a evolução da cicatrização, sem lesionar ou ocasionar riscos ao paciente. Essa prática auxilia na redução do inchaço, na melhor cicatrização e na recuperação saudável.

Essas dicas são importantes para um resultado adequado na cirurgia de abdominoplastia. Entretanto, não são uma regra e não excluem outras orientações que certamente serão repassadas pelo seu cirurgião plástico.

Por último, mas não menos importante, fica uma dica como bônus: Verifique se seu cirurgião plástico está regulamente registrado no Conselho de Medicina de seu estado e se o mesmo faz parte da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o que assegura que efetivamente compreende toda a complexidade que envolve esse procedimento, e conhece as técnicas adequadas para executar a cirurgia, proporcionando mais segurança e conforto à paciente.

a href=”https://rubemlang.com.br/agendamento/” target=”_blank” rel=”noopener noreferrer”>agende sua consulta como Dr. Rubem Lang.

Quer agendar sua consulta com o Dr. Rubem Lang?

Acesse a página de agendamento online ou ligue para (51)3378.9958. Será um prazer receber você.