Prótese de Silicone nas Mamas, o procedimento que aumenta o tamanho e projeção das mamas

Posted on

 

A Prótese de Silicone nas Mamas, Implante de Silicone nas Mamas ou Mamoplastia de Aumento é um dos procedimentos mais procurados e desejados pelas mulheres. O procedimento aumenta ou restaura o volume e projeção das mamas com a utilização de próteses de silicone, gel ou com a própria gordura da paciente.

A cirurgia de prótese de silicone nas mamas vem apresentando significativa evolução ao longo do tempo, tanto nas técnicas cirúrgicas e produtos utilizados no procedimento, quanto nas questões relacionas a segurança, aumentando a satisfação das mulheres que desejam melhorar, recuperar ou restaurar o equilíbrio do seu contorno corporal.

Devido a sua grande procura, nesse artigo você vai saber:

  • Qual a indicação da Prótese de Silicone das Mamas
  • Quais são os tipos de prótese de silicone
  • O que fazer antes da Cirurgia de Prótese de Silicone (pré-operatório no aumento das mamas)
  • Como é realizada a cirurgia de Mamoplastia de Aumento
  • Quais são as incisões na Prótese de Silicone
  • Qual a melhor posição da Prótese de Silicone
  • Como é a Recuperação na Prótese de Silicone
  • Quais são os resultados da Mamoplastia de Aumento (Prótese de Silicone)
  • A Prática de Exercícios Físicos após a Prótese de Silicone
  • Quais são os riscos da Cirurgia de Prótese de Silicone
  • Qual o profissional habilitado para realizar a Cirurgia de Prótese de Silicone
  • O que perguntar na primeira consulta?

A primeira questão a ser conhecida nesse caso é a indicação da Prótese de Silicone nas mamas.

Indicação da Prótese de Silicone (Mamoplastia de Aumento)

A cirurgia de mamoplastia de aumento é um procedimento que deve ser realizado por desejo da mulher, e não pelo desejo ou vontade de outras pessoas. Assim, a prótese de silicone nas mamas está indicada para mulher que:

  • Está fisicamente saudável;
  • Possui expectativas realistas sobre a cirurgia;
  • Possui seios totalmente desenvolvidos;
  • Se incomoda com seus seios muito pequenos;
  • Observou que seus seios perderam forma e volume após a gravidez, perda de peso ou envelhecimento;
  • Está infeliz com a parte superior das suas mamas que perderam volume, aparentando um “vazio” na região;
  • Possui seios assimétricos;
  • Tem um ou ambos os seios com problemas de desenvolvimento ou possui uma forma alongada;

Se você observou que se enquadra em uma ou mais características e deseja melhorar a aparência de suas mamas, o agendamento de consulta com um cirurgião plástico é o primeiro passo!

Quais são os tipos de Prótese de Silicone

A escolha do tipo de prótese de silicone a ser utilizada sempre irá depender da conversa com seu cirurgião plástico, e principalmente do exame físico realizado durante a consulta médica. Nesse exame será avaliado o tipo de tórax da paciente, a projeção e colo mamário desejados, entre outras análises.
As próteses de silicone se diferenciam pelo perfil, formato, tamanho e textura da prótese de silicone.

a) Perfil das Próteses de Silicone:

perfil-das-proteses-de-silicone-dr-rubem-lang

O perfil dos implantes de silicone pode ser: super-alto, alto ou baixo.

Perfil Baixo/Moderado: A prótese de silicone com perfil baixo, moderada possui uma base mais larga e com pouca altura. Realiza o preenchimento do colo mamário, mas tem pouca projeção. Assim a paciente fica com um decote discreto, pouco evidente. Por essas características raramente tem sido utilizado.

Perfil Alto: As próteses de silicone com perfil alto possuem uma base menor e maior projeção. É ideal para pacientes que desejam seios com mais projeção para frente, sem uma necessidade de preenchimento do colo mamário. Esse é o perfil mais escolhido pela maioria das pacientes.

Perfil Super Alto: O perfil super alto das próteses de silicone possui uma base estreita e uma maior projeção, valorizando o colo mamário e o decote feminino. É a prótese que proporciona seios grandes e sensuais, de acordo com o padrão estético desejado nos dias atuais.

b) O Formato das Próteses

Formato Anatômico: Esse formato possui design em forma de gota. Isso porque sua base é mais larga e possui um ápice mais achatado. Tem a proposta de reproduzir o formato de um seio natural. Nesse formato, as incisões para sua colocação necessitam ser um pouco maiores.

Tendo em vista que o formato anatômico, confere às mamas uma aparência mais natural e um volume menor na parte superior, o decote não fica tão destacado.

protese-de-silicone-anatomica-dr-rubem-lang

Formato Redondo: Trata-se do formato que preenche integralmente a mama. Os diferentes perfis que ele possui (acima) é que irão definir a projeção dos seios no corpo. Esse formato redondo proporciona um aspecto mais sexy às mamas. Contudo, elas acabam ficando mais marcadas, podendo deixar em alguns casos um aspecto artificial, o que pode ser atenuado com o local de posicionamento do implante.

protese-de-silicone-redonda-dr-rubem-lang

Formato Cônico: O formato cônico é semelhante ao formato redondo, principalmente com relação a sua base. Sua diferença está na projeção para frente no corpo da mulher, que é um pouco mais fina e pontiaguda, em forma de um cone mesmo.

protese-de-silicone-conica-dr-rubem-lang

c) O Tamanho da Prótese

O tamanho da prótese de silicone ou o volume a ser escolhido é o aspecto mais conhecido, desejado e planejado pelas mulheres que pretendem se submeter ao procedimento. Até mesmo antes de buscarem seu cirurgião plástico, as mulheres ficam imaginando qual o tamanho ideal da prótese. E esse é, com toda a certeza um dos pontos fundamentais a ser discutido com seu cirurgião para alcançar o melhor resultado individual.

Assim, querer usar aquela foto da amiga ou da celebridade que certamente possui características físicas diferentes da sua, para definir o tamanho de sua prótese, não é o melhor caminho a ser tomado. No decorrer da consulta médica você deve ser transparente com seu cirurgião, explicando quais suas expectativas, desejos e necessidades, para que juntos possam identificar o tamanho adequado da prótese de silicone para você.

d) Textura da Prótese de Silicone:

O último item a ser avaliado em uma prótese de silicone é a sua textura. A Prótese de Silicone poderá ser lisa, de poliuretano ou texturizada de acordo com o tipo e forma da mama;

(1) Lisa: É o implante que tem textura lisa, sem rugosidades e está muito associada a uma complicação chamada contratura capsular (“rejeição”), por isso está praticamente em desuso.

protese-de-silicone-lisa-dr-rubem-lang

(2) Texturizada: Sua superfície é rugosa, porosa, característica que reduziu drasticamente os casos de contratura capsular.

protese-de-silicone-texturizada-dr-rubem-lang1

(3) Poliuretano: O silicone recebe um jato desta substância, deixando a superfície do implante semelhante a um veludo, o que também reduziu os índices de contratura.

protese-de-silicone-poliuretano-dr-rubem-lang

O que fazer antes da Cirurgia de Prótese de Silicone nas Mamas (pré-operatório na Mamoplastia de Aumento)

Antes de se submeter a uma cirurgia plástica como a Mamoplastia de Aumento, alguns cuidados e providências são fundamentais. Por isso, aqui na clínica sempre indico às pacientes que tomem os seguintes providências e cuidados pré-operatórios:

– Realização de exames prévios a qualquer cirurgia como um hemograma completo, além da avaliação da coagulação do sangue, entre outros.

– Avaliação da mama através de exames de ultrassom e mamografia (para detectar eventuais lesões ou alterações nas mamas, como a existência de cistos ou nódulos).

– Caso a paciente seja fumante, evitar fumar por, no mínimo, 2 semanas antes da cirurgia;

– Não ingerir bebidas alcoólicas ao menos nas 48 horas antecedentes à cirurgia;

– Nas 2 semanas anteriores ao procedimento parar/evitar o uso de medicamentos anti-inflamatórios, principalmente aqueles que contém ácido acetil salicílico – como as aspirinas, medicamentos anti-reumáticos, remédios aceleradores do metabolismo – como anfetaminas, fórmulas para emagrecimento e Vitamina E;

– Manter-se em jejum absoluto de 8 horas;

– Não trazer ou portar relógio, jóias ou objetos de valor. Retirar quaisquer objetos metálicos (piercings) ou informar sobre a presença dos mesmos.

– Não aplicar cremes ou maquiagens nas áreas que serão operadas.

– Evitar lentes de contato no dia da cirurgia.

– Recomenda-se que no dia da cirurgia, as unhas das mãos estejam ao natural, sem esmaltes, para que não interfiram no sensor de monitoramento.

Como é realizada a cirurgia de Prótese de Silicone

cirurgia-plastica-dr-rubem-lang-porto-alegre

A Cirurgia de Prótese de Silicone ou Mamoplastia de Aumento tem uma duração média de 1 a 2 horas, dependendo sempre de sua complexidade. A cirurgia inicia com uma limpeza na área que será operada. A seguir, é realizada a anestesia, que pode ser local, peridural ou geral, o que será definido com o médico anestesista. Depois disso, seu cirurgião plástico irá definir os marcos anatômicos e desenhar as linhas para realização das incisões.

Após, o cirurgião realiza uma pequena incisão na região do corpo por onde será inserida a prótese, que é denomina e faz a criação de um pequeno bolso onde as próteses serão depositadas e mantidas. Essas incisões são as chamadas vias de acesso, que serão detalhadas no tópico a seguir. Após, as próteses são colocadas nesse pequeno bolso e ajustadas na posição ideal. Com o posicionamento das prótese de silicone.

Ao fim, todas as incisões são fechadas, sempre objetivando deixá-las o mais discretas possíveis. São colocadas bandagens ou ataduras nos locais da incisão durante a cicatrização, com o objetivo de manter a integridade do procedimento.

Os mamilos e aréolas normalmente permanecem íntegros, permitindo a preservação da sensibilidade e da capacidade de amamentar.

Quais são as vias de acesso na Prótese de Silicone

vias-de-acesso-protese-de-silicone

 

São 3 (três) as vias de acesso mais utilizadas na Mamoplastia de Aumento: (1) via periareolar, (2) via inframamária e (3) via axilar. Caberá ao seu cirurgião plástico discutir a melhor abordagem e chegar em conjunto a uma decisão final.

Na via periareolar , a incisão é realizada exatamente na transição do tecido da aréola com a pele da mama, a metade inferior, na forma de um “U”. É indicada para pacientes que apresentam aréolas maiores. Essa via não é indicada para mulheres com aréolas pequenas , uma vez que a inserção do implante pode se tornar difícil.

Já na via inframamária o cirurgião plástico realiza a incisão na porção inferior da mama. Além disso, uma leve queda natural da mama no pós-operatório torna a cicatriz praticamente inaparente na visão frontal.

Tanto na via periareolar, quanto na via inframamária a cicatriz fica discreta, permanecendo escondida sob o biquíni ou roupas de baixo.

A terceira via de acesso é a via axilar. A principal vantagem desse tipo de acesso, é que elimina qualquer cicatriz nas mamas. Além disso, apresenta melhor controle no posicionamento do sulco inframamário. Comparado às vias periaereolar e inframamária, é um procedimento com maior complexidade técnica, exigindo em determinadas situações, um tempo cirúrgico mais prolongado.

Não existe uma via de acesso ideal e universal. Cada paciente terá uma análise individualizada, onde serão verificados os prós e contras de cada uma das alternativas. Nessa análise, o desejo da paciente também deve ser levado em consideração. Nada melhor que consultar seu cirurgião plástico e esclarecer todas suas dúvidas para te ajudar na decisão do que será melhor para você!

Qual a melhor posição da Prótese de Silicone

Muitas mulheres chegam aos consultórios com uma ideia fixa de colocar a prótese atrás do músculo, pois acham que o resultado vai ser mais natural ou duradouro, depois de obterem informações na internet ou com amigas.

Entretanto essa definição somente poderá ocorrer durante a consulta médica, onde no exame físico, será avaliada a quantidade de glândula presente no colo mamário, o tamanho dos implantes mamários, sua anatomia corporal, a qualidade de sua pele, além, é claro, de seus objetivos estéticos.

Ainda que o seu desejo ou opinião seja relevante, a experiência e conhecimento técnico do seu cirurgião devem ser levados em conta, caso ele indique uma posição diferente daquela planejada por você. As principais opções de posicionamento dos implantes de mama são as seguintes:

Plano Subglandular (abaixo da Glândula)

protese-de-silicone-subglandular-dr-rubem-lang
O posicionamento da prótese de silicone abaixo da glândula, ou subglandular, é o mais utilizado, uma vez que o descolamento para criação do bolso para colocação do implante é mais fácil. Além disso, o plano subglandular possibilita um maior controle do sangramento (hemostasia) durante a cirurgia.

Plano Submuscular (abaixo do músculo)

protese-de-silicone-submuscular-dr-rubem-lang

Nesse plano, a prótese fica coberta pelo músculo, cuja principal função é a de “esconder a prótese”.
A colocação da prótese no plano submuscular é indicada para (1) Mulheres magras, que precisam de uma cobertura maior entre a pele e o implante, para que este não fique visível; (2) Mulheres com implante subglandular que desenvolveram contratura muscular e necessitam trocar a posição do implante; (3) Mulheres com histórico familiar de câncer de mama (ou homens com câncer de próstata, pois relacionados), pois necessitam de uma proteção entre a glândula mamária e a prótese, para facilitar a eventual necessidade de puncões para biópsias.

Duplo Plano (Dual Plane)
protese-de-silicone-duplo-plano-dr-rubem-lang
A denominação “duplo plano” decorre do posicionamento intermediário para prótese mamária, no qual a parte superior do implante fica coberta pelo músculo e a parte inferior fica posicionada abaixo da glândula mamária. Através dessa técnica é possível obter os benefícios de cada umas técnicas apresentadas acima (subglandular e submuscular), o que permite reduzir determinados problemas existentes em cada uma delas isoladamente.

Do ponto de vista de resultados a longo prazo, não existem diferenças entre as próteses colocadas atrás ou na frente do músculo. O maior vilão para a queda das mamas são as grandes oscilações de peso!
Portanto, não existe uma única posição para a colocação dos implantes de silicone. As individualidades de cada paciente devem ser analisadas para determinar qual o melhor plano cirúrgico, visando sempre o melhor resultado.

Como é a Recuperação da Cirurgia de Prótese de Silicone

Em regra, a recuperação da cirurgia de prótese de silicone dura entre duas a oito semanas. Esse tempo de recuperação irá depender do tipo de procedimento e de cada paciente.

Nesse período, a paciente deverá evitar qualquer atividade extenuante. Deve evitar ainda, o levantamento dos braços a uma altura superior a 90 graus do tronco, incluindo levantar crianças ou mantimentos pesados, ou quaisquer outros esforços domésticos.

A utilização de sutiã cirúrgico no pós-operatório é fundamental, podendo ser retirado apenas para tomar banho. A paciente deverá dormir com a barriga para cima e com os braços ao longo do corpo.

A paciente deverá ter muito cuidado com o sol, pois evitar a exposição solar é essencial na recuperação da mamoplastia de aumento.

Durante as consultas, antes e depois do procedimento, o seu cirurgião plástico deverá discutir a recuperação específica para você e os cuidados que deverão ser tomados após a cirurgia.

A Prática de Exercícios Físicos após a Prótese de Silicone

A prática de exercícios físicos não é aconselhada nos primeiros 20/30 dias após a Prótese de Silicone justamente em decorrência dessa impossibilidade de levantamento dos braços. Os exercícios físicos poderão ser retomados gradualmente após um período inicial de inatividade. Não se pode esquecer também, da proibição de dirigir pelo período mínimo de 2 a 4 semanas.

Entretanto, tal avaliação sempre caberá ao seu cirurgião plástico! Assim, existindo dúvida sobre esse ou qualquer assunto sobre a cirurgia, questione seu cirurgião!

Quais são os resultados da Mamoplastia de Aumento (Prótese de Silicone)

A Cirurgia de Prótese de Silicone aumenta o tamanho e projeção dos seios da paciente, melhorando ainda o equilíbrio de seu contorno corporal.

O resultado estético fica evidente logo após a cirugia de prótese de silicone. Mas somente depois dos primeiros 30 dias, quando o edema (inchaço) terá diminuído, e o processo de cicatrização mais evoluído, o resultado poderá ser melhor avaliado. O efetivo resultado da Mamoplastia de Aumento poderá ser observado a partir do 6º mês após a realização da cirurgia.

Cabe ressaltar que além da questão estética, a mamoplastia de aumento melhora a auto-estima das pacientes, valorizando significativamente os aspectos relacionados à sua feminilidade.

Quais são os riscos da Cirurgia de Prótese de Silicone

Normalmente não existem complicações significativas na Cirurgia de Prótese de Silicone. Riscos específicos do procedimento sempre deverão ser discutidos com seu cirurgião plástico durante a sua consulta.

É certo que qualquer procedimento cirúrgico apresenta graus de riscos. Abaixo estão algumas das eventuais complicações que podem ocorrer em qualquer cirurgia:

  • Reação adversa à anestesia
  • Hematomas ou seromas (acúmulo de sangue ou fluidos sob a pele, que poderá exigir remoção)
  • Infecções e sangramentos
  • Alterações de sensibilidade da mama ou do mamilo, de forma temporária ou permanente
  • Má cicatrização
  • Reações alérgicas
  • Enrugamento da pele sobre o implante, entre outros

Certamente tais riscos podem ser minimizados. Para tanto, basta você seguir rigorosamente as orientações e instruções do seu cirurgião plástico, que para sua segurança, necessariamente deve ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – SBCP.

Qual o profissional habilitado para realizar a Cirurgia de Prótese de Silicone

Escolha um cirurgião plástico que efetivamente você pode confiar! Para isso, busque seu cirurgião com base nas seguintes questões:

  • Sua educação, treinamentos e certificações;
  • Sua experiência com a cirurgia de Prótese de Silicone;
  • O nível de confiança e de conforto que a paciente terá com o Cirurgião.

Um balizador da qualidade do trabalho do cirurgião é a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – SBCP. Ao escolher um cirurgião plástico que é membro da SBCP você terá certeza que ele:

• Completou um treinamento em cirurgia de, no mínimo, cinco anos, sendo três deles em cirurgia plástica.
• Está treinado para realizar todo tipo de cirurgia plástica.
• Está submetido a um código estrito de ética.
• Apenas opera em instalações médicas credenciadas.

O Dr. Rubem Lang Stumpfle é cirurgião plástico membro da SBCP!

Para o nome do cirurgião plástico no site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, acesse: http://www2.cirurgiaplastica.org.br/encontre-um-cirurgiao/

Depois de assegurar sua escolha, o próximo passo é o de agendar uma consulta médica.

Como poderá ser a primeira consulta?

A primeira consulta é o momento ideal para a paciente discutir todos os aspectos relacionados a sua cirurgia e os resultados que a paciente quer alcançar. É o momento ideal para tirar todas as suas dúvidas. Após a conversa inicial, o cirurgião plástico irá avaliar se a paciente efetivamente pode realizar a Cirurgia de Prótese de Silicone e se esse é o procedimento que possibilitará alcançar os resultados desejados.

Durante o exame, o cirurgião plástico irá realizar medições, e possivelmente imagens para registro médico, considerando sempre o tamanho atual e forma dos seios da paciente, tórax e outras medidas; e o tamanho da mama e projeção que a paciente deseja.

Durante a conversa com o cirurgião a paciente deverá detalhar algumas questões como:

  • Existência de cirurgias prévias, inclusive biópsias de mama.
  • As condições médicas passadas e também presentes.
  • Se possui alguma alergia
  • Se faz uso rotineiro de medicamentos.
  • Tratamentos médicos que realizou.
  • Histórico familiar de câncer de mama
  • Apresentação de uma monografia atualizada.

Uma questão importante diz respeito ao peso da paciente. Se estiver planejando uma perda significativa de peso, a paciente deve informar ao cirurgião, que pode sugerir que a paciente estabilize o seu peso antes da cirurgia.

Da mesma forma, a mulher que pode desejar ter filhos no futuro precisa discutir este assunto com o seu cirurgião. Isso porque a gravidez pode modificar o tamanho dos seios de uma forma imprevisível, afetando os resultados a longo prazo da cirurgia.

O plano de tratamento da Prótese de Silicone

Após compreender os objetivos da paciente e suas características físicas, o cirurgião irá repassar recomendações e informações, incluindo:

  • A melhor abordagem cirúrgica, inclusive o melhor procedimento ou a combinação de procedimentos necessários.
  • Quais são os resultados a serem buscados.
  • O seu investimento necessário para o procedimento e formas de pagamento.
  • Os eventuais riscos e complicações associadas.
  • As opções para anestesia e cirurgia.
  • O melhor hospital para realizar o procedimento.
  • O que você precisa fazer para se preparar para a cirurgia.
  • O que você pode esperar para experimentar após a cirurgia.

Perguntas para fazer ao seu cirurgião plástico sobre a Prótese de Silicone

Levar para a consulta uma lista com a maioria dos questionamentos relacionados ao procedimento, ao cirurgião e demais aspectos relacionados à cirurgia plástica desejada, é a melhor forma de compreender melhor tudo o que envolve a cirurgia. As respostas às questões serão a base para decidir pela realização do procedimento e também se esse é o cirurgião plástico ideal. Abaixo algumas perguntas como sugestão para ajudá-la:

  • Eu posso me submeter a Mamoplastia de Aumento?
  • Os resultados que eu procuro podem ser atingidos?
  • Minhas cicatrizes ficarão visíveis? Onde minhas cicatrizes irão se localizar?
  • Qual o melhor tipo de anestesia recomendada para mim?
  • Qual será o investimento com a minha cirurgia?
  • O que eu posso fazer antes e depois da cirurgia para obter os melhores resultados possíveis?
  • Qual o período de recuperação?
  • Quando eu posso retomar suas atividades normais?
  • Quais são os riscos e as complicações associadas ao procedimento?
  • Como são tratadas eventuais complicações?

Obviamente essas são questões genéricas e você pode e deve complementar esse questionário com outras perguntas, buscando sempre ficar o mais informada possível sobre a cirurgia.

Quer agendar sua consulta com o Dr. Rubem Lang?

Acesse a página de agendamento online ou ligue para (51) 3378.9958. Será um prazer receber você.

Tags: cirurgia plastica porto alegre, cirurgião plástico, cirurgiao plastico rubem lang, implante de silicone, implante mamário, mamoplastia de aumento, Mamoplastia de Aumento aumento dos seios, porto alegre, prótese de mama, protese mamária, próteses de silicone, rubem lang, seios pequenos, silicone nos seios, tipos de próteses, troca da protese